domingo, 13 de abril de 2014

CÓDIGO DE MORAL CELESTE PARA A VIDA ETERNA




 Amor a Deus - o Criador, com a força da alma, de todo coração, de todo entendimento;

 Amor ao próximo como a si mesmo;

  Confiança em ti mesmo e fé no Poder Divino que te sustenta;

 Não articular o mal para as pessoas nem por pensamentos, palavras, ou atitudes... Mas realizar o bem sem cessar;
        
        Perdoar sem restrições: mágoas, ofensas morais, ações maldosas do próximo - no mesmo raciocínio como esperamos que Deus perdoe as nossas transgressões, em síntese: Pai! Perdoai os nossos pecados, assim como perdoamos as faltas que os nossos ofensores cometem contra a nossa consciência;
         

         Orar com confiança, ou seja: buscar conexão com Plano Divino sem descanso; abençoar as adversidades; refletir bons pensamentos às pessoas com as quais não temos harmonia e nem afinidades pessoais simpáticas;

 No Plano Divino serás analisado pelas obras do bem que realizares na vida;

 Se a recompensa pelo bem que semeares não acontecer no plano terrestre, com certeza, realizar-se-á nos planos celestes da vida superior;

 Acreditar plenamente na imortalidade da alma, e intensificar em si mesmo, a virtude de seus tesouros imperecíveis;

Confiar na assistência invisível dos poderes de Deus através de suas potências angélicas;

 Procurar desenvolver o reino divino no coração, e esperar trabalhando com fé a felicidade de viver intensamente nas muitas moradas astrais, que integram a Casa Universal de Nosso Pai Celestial.
         
           Eis a razão de Jesus imolar-se na cruz em prol de sua mensagem de amor e salvação moral à alma humana decaída em erros de existências passadas, para ensinar à humanidade com exemplos dignificantes que em nome de Deus não se deve violentar a ninguém e nem promover conflitos religiosos.
       Ele, Jesus filho do Altíssimo, ensinou e exemplificou com sacrifícios que culminaram na sua crucificação que somente através do amor fraterno e divino, da fé no Poder Divino, do perdão incondicional, do trabalho fraternal, do serviço pelo bem comum, na solidariedade cristã, na tolerância às diferenças de crenças, na caridade moral e respeito às pessoas poderemos encontrar a nossa redenção para a vida eterna irradiante de felicidade sublime no seio imaterial do Criador da Vida.


Voz Clama
Intensivo Difusão Espiritualidade Evangélica – I D E
Voz do espírito





Nenhum comentário:

Postar um comentário