domingo, 24 de fevereiro de 2013

JESUS A LUZ DA VIDA - Além do Plano Carnal





        Jesus Cristo, o mestre espiritual das coletividades celestiais, também dirigia a sua mensagem de libertação às consciências de outros planos de vidas: o extrafísico.
         O apóstolo Pedro em sua epístola descreve que Jesus proclamou a mensagem de luz do seu evangelho até mesmo para libertar na vida astral os espíritos mentalmente presos em abismos de sofrimentos, os quais  em outras gerações das sociedades primitivas anterior à época do Cristo, foram rebeldes à longanimidade divina ( 1 Pedro 3. 18 a 20).
     "Jesus tem em seu poder espiritual o controle das chaves da morte e do inferno -Apocalipse 1. 18". Quer dizer: as almas que expiam no Umbral, ou Hades, ou "astral inferior" estão também sob a proteção do Cristo celeste. 
         O Mestre Jesus desceu aos mais baixos abismos da vida astral para irradiar a chama da renovação celeste aos espíritos carentes da luz divina (Efésios 4. 8 a 10 Bíblia sagrada)
      Com Jesus, são chegados os novos tempos em que aqueles que margeiam à sombra da morte espiritual ouvirão a voz do Cristo de Deus, e os que a ouvirem: reviverão  para reintegrar-se à obra de Deus, na ordem infinita da Criação Universal (João 5. 25).
   Porque por isso foi pregado o evangelho também aos mortos, para que, na verdade, fossem julgados segundo os homens na carne, mas vivessem segundo Deus em espírito - vide (1 Pedro 4. 6) Bíblia sagrada
          Deus não é Deus de mortos, mas dos vivos; porque para Deus todos vivem (quer seja no plano carnal terrestre, quer seja depois do falecimento do corpo carnal, em consciência espiritual no além extrafísico (Lucas 20. 38).


Com Jesus, armemo-nos:
  
Da flama do amor e da paz;

Do capacete da fé e esperança;

Da espada do bem e da Justiça;

Da armadura dos bons sentimentos;

Do farol da sabedoria e dos dons perfeitos;

Do pensamento virtuoso e positivo no belo;

Da energia e da perseverança em coisas boas;

E calçado ideal no caminho seguro para o reino espiritual.

Além do Plano Carnal 
Abrahão Ribeiro

Voz Q Clama
Intensivo Difusão Espiritualidade Evangélica – I D E
    Voz do Espírito



sábado, 16 de fevereiro de 2013

REJUVENESCENDO IDÉIAS - Além do Plano Carnal



     João Evangelista na ilha Patmos teve vários arrebatamentos espirituais, exteriorização da consciência fora do corpo físico, e contempla a visão espiritual de um ser vitorioso, na sua missão, montado em um cavalo branco (vide o livro do Apocalipse, capítulo 6 vers 2 na Bíblia sagrada). 

     O universo físico é uma condensação de energias e o cosmo espiritual são irradiações eletromagnéticas.
    O que há de tecnologia, benefícios de melhoramento, e progresso de utilidades para facilitar a convivência dos seres no plano material terráqueo, também existe do outro lado da vida nos planos superiores das dimensões astrais do cosmo espiritual em quantidade infinita e de forma duradoura, e com muito mais expressão de realidade e inteligência.
        Materializando um exemplo: a televisão no plano físico é produto de comunicação no qual o sistema tecnológico foi projetado para enviar imagens fotográficas das pessoas, do meio ambiente, coisas e fatos de um polo a outro do planeta Terra em frações de minutos. 

    No extrafísico celeste existem grandes fontes energéticas que movimentam passagens fluídicas de alta precisão e que transmitem imagens tridimensionais dos fatos impregnados até de sentimentos, emoções e vida, é como se fosse um acontecimento real, o ser pode até se projetar nessas imagens e participar no tempo e espaço como se estivesse em corpo presente. 
    Dormi a noite como um pássaro que abandona temporariamente a sua gaiola domiciliar, sonhos felizes povoaram o meu inconsciente, de repente por volta das 03:00 hs da manhã, desperto as ideias e o sonho toma um estado de lucidez amplificada,
       pois sinto que o meu corpo ressona na cama; porém a minha consciência está distante há várias milhas de minha residência, onde me vejo sobre o dorso de um ser  vivente super ágil e que tinha a aparência terráquea de um pássaro gigantesco, e que se aquietava aos comandos de minha mente etérea. Observei também que havia outras criaturas bem intencionadas que me ajudavam nesse evento. 
       Acomodei-me ao regaço daquele belo ser que eu sentia que era uma criatura de Deus, e ele desliza em altíssima velocidade, percebo sensações indescritíveis na alma e transito por regiões puras do astral, vales, campos, paisagens, seres simples que abriam alas silenciosamente em atitude de respeito à medida que a caravana passava.
     Tudo aquilo desfila em minha mente espiritual em elevada frequência, noto mesmo até a velocidade que chega a superar a velocidade do som, mais ou menos 350 m/s.
      Quanto mais força eu imprimia à minha mente, mais o aparelhamento obedecia ao cavaleiro, parecia que o meu sentimento influenciava o objeto de minha viagem. Sentia que percorria os continentes de norte a sul e as distancias se interligavam em segundos aos comandos do meu poder mental. Eu estava tendo um sonho lúcido, ou uma visão espiritual? Só Deus Sabe.
     Quando estava para concluir o transe da viagem astral, dei um impulso mental e o ser vivente diminui o ritmo da velocidade, senti que ele não estancava de vez me precipitando no vazio e sim foi brecando a velocidade mansamente, tal qual uma aeronave quando desce na pista do aeroporto; e eu colado ao seu dorso e imprimindo força mental cheguei a experimentar uma suave pressão que me deslocava para frente enquanto cessava o deslocamento; aí eu despertei na cama no corpo físico sentindo um prazer indefinível; um vigor neuropsíquico inunda todo o meu ser por vários dias.
        Pressenti no meu inconsciente que tinha feito no plano astral etéreo, com emissários da espiritualidade celeste, um vigoroso exercício mental para rejuvenescer salutarmente as idéias, a fim de elevar a autoestima diante das provações do dia a dia da labuta carnal.

       Recomendou Jesus: “batei e abrir-se-vos-á...” Cada filho de Deus tem que buscar em si mesmo a sua herança espiritual. A solução de nossos problemas vige beneficamente em nós mesmos na nossa iniciativa de superação construtiva com Deus – o nosso Pai Celeste... Nosso Criador.
Além do Plano Carnal
 Abrahão Ribeiro

Voz Q Clama
Intensivo Difusão Espiritualidade Evangélica – I D E
    Voz do Espírito






quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

PERCEPÇÕES EM SONHOS - Além do Plano Carnal





    E nos últimos dias acontecerá, diz o Senhor: Que do meu espírito derramarei sobre toda a carne; e os vossos filhos e filhas profetizarão; os vossos jovens terão visões; e os vossos velhos sonharão sonhos...  E farei aparecer prodígios em cima no Céu, e sinais na Terra...  (Profeta Joel 2. 28) e referencia em Atos  dos Apóstolos 2. 14 a 19)  Bíblia sagrada

Os sonhos são percepções mentais e, à medida que a criatura se espiritualiza vencendo o caos do materialismo ascende nesse universo extraordinário de energias sutis alcançando outros níveis de vida psíquica. A espiritualidade tende a tomar um caráter universal porque é um plano do Criador, assim conscientizou Jesus: Deus é Pai, Deus é Espírito, e como fonte universal de eterna vida, todos aqueles que pretenderem filiar-se e participar da grandeza da paternidade celeste terão que buscar se integrar em espírito, na obra da natureza com o Pai Celeste (Bíblia Sagrada – João 4. 23 a 24).
Em sua visão profética antevendo os finais dos tempos de transição em que a mente humana deixará de sofrer com as sensações dos anseios carnais para buscar a sua essência divina na criação universal, e fruir as delicias da vida triunfante integrada nos céus da consciência, com o Criador, o profeta Joel se expressou: o espírito divino é derramado sobre toda carne... os jovens  terão visões... e os velhos terão sonhos...
O que a pessoa ignorante não apreende ou disfarça perceber é que todos os bens da vida, na essência são recursos de Deus. A criatura nasce num corpo despido e inconsciente, e através da morte parte para além da vida material sem levar nem mesmo os órgãos que compõem o seu próprio corpo carnal. Logo o maior patrimônio da criatura, diante da existência: é sua consciência, que terá um dia de retornar para o seio imaterial do Criador da Vida.
Assim, a nossa consciência que é a essência mais sensível de nosso ser se expressa num plano maravilhoso de idéias, vibrações, ondas energéticas, frequências mentais sutis, forças eletromagnéticas que tem a finalidade de nos educar para a integração com os Poderes Divinos que sustentam o Cosmos. E quando encarnados no plano físico terrestre  a nossa força psíquica faz várias exteriorizações intelectuais adentrando no universo espiritual, trabalho esse que se processa através do sono físico, ou em visão mental consciente. E os sonhos são as idealizações que se formam nos canais interiores da mente, tendo mais ou menos estes desdobramentos: sonhos reflexivos, sonhos intuitivos e sonhos lúcidos.

do livro: Além do Plano Carnal
         Abrahão Ribeiro (autor)

Voz Q Clama
Intensivo Difusão Espiritualidade Evangélica – I D E
    Voz do Espírito




domingo, 3 de fevereiro de 2013

BOA ESPIRITUALIDADE - Além do Plano Carnal




   
    Vivemos e agimos como se fôssemos a célula de um grande corpo: a humanidade. As nossas ações benéficas reagem na comunidade socioambiental e pode alcançar movimentos de libertação e paz; ou, se forem nocivas: deturpação dos nossos sentidos.

     Se a consciência eleva-se em conexão com plano espiritual celeste pode estender assistência invisível a todo o seu grupo social: pais, filhos, irmãos, parentes, amigos, colegas e até mesmo irradiar vibrações positivas aos adversários.
    Porém, se a consciência decai moralmente sucumbindo em abismos interiores de perturbação, ela pode afetar psicologicamente na mesma lei de atração a todo o seu grupo: pais, filhos, irmãos, parentes, amigos, colegas, e aos adversários, e mesmo alcançar sensivelmente o plano extrafísico e a equipe amparadora tutelada pelo anjo d’aguarda da criatura, que se encontra desorientada do bem. 

  Muitos, de algum modo, ficarão sensibilizados com os raios e ondas de sofrimentos irradiados pela consciência decaída em sofrimentos morais. 

    Assim como as pessoas sensíveis à solidariedade não sentem prazer em ver as aflições alheias; da mesma forma procede a Lei da Vida que reflete consciência, lucidez. Quanto mais luz! Mais vida e sentimento. 

       Por isso que, Jesus em espírito, nos altos céus da consciência celeste, vendo e analisando os sofrimentos da humanidade em relação às trevas da razão: ateísmo, materialismo, paganismo, barbarismo, idolatrismo, fetichismo, ou mesmo excessiva religiosidade que fatalmente promove o fanatismo, e tudo isso forma um conjunto de desarmonias que causam males às criaturas, levando-as ao caos dos padecimentos morais na vida terrestre e consequentemente no além extrafísico.
      Jesus não relutou, desceu das alturas celestiais da vida superior e revelou aos homens: o amor divino, a paz interior, a esperança, a fé renovadora, o saber espiritual, a confiança na assistência invisível do Espírito, o perdão fraternal, a fraternidade universal, a interação celeste. 
  Não divulgou cultos externos a denominações religiosas; mas sim revelou princípios de vida moral consolidado numa doutrina saudável - a boa nova de ensinamentos espirituais, no mandamento: "fraternizai-vos uns aos outros - João 13. 34, 35", o princípio que conduzirá a consciência humana a um estado de harmonia uns com os outros, e integração com a vida celeste. 

   Enfim Jesus revelou aos homens que todos os fundamentos da vida estão sob a gestão universal de nosso PAI Celestial.

Além do Plano Carnal 
Abrahão Ribeiro 


 Voz Q Clama
Intensivo Difusão Espiritualidade Evangélica – I D E
    Voz do Espírito
http://voz-doespirito.blogspot.com.br/