sábado, 12 de maio de 2012

SENTIDOS INTUITIVOS DOS SONHOS - Além do Plano Carnal




   Primeiro trimestre de 1996 - grande reviravolta no meu local de trabalho, analistas de Brasília (DF) são convocados às pressas para fazer um estudo de redução no quadro de funcionários da agencia em que eu era lotado, 
      pois o Banco do Brasil estava caminhando nacionalmente para uma privatização e tinha que se adequar ao mercado econômico imposto pelo Governo Federal a fim de atender as exigências das privatizações dos órgãos e entidades da administração pública - cortando gastos com as folhas de empregados; enxugar a máquina; diminuir o quadro de funcionários...
      e o lema era transferir os mais antigos, para poder sugestioná-los à adesão ao Plano de Demissão Voluntária com os direitos a receber monetariamente;
    ou mesmo aposentadoria compulsória reduzida, caso estivessem encaixados num tempo de serviço mais ou menos 30 anos de contribuição junto ao INSS, porque a PREVI Caixa de Assistência do Banco faria a complementação.

  E para se adequar às exigências da privatização o Banco do Brasil tinha que diminuir o seu corpo de funcionários pela metade da sua capacidade total.

   Junho de 1996 - em minha agencia Santa Inês (MA) composta de 32 funcionários ficaram pendentes à transferência 17 funcionários, sendo eu o primeiro da lista e confesso que, naquele primeiro instante quase me revoltei com as situações que se sucediam: catalogar agencias disponíveis com vagas para gravar o pedido de alteração de localização.
   Mas, o que me conformou com essa transferência que finalizou rapidamente em agosto de 1996, era a lembrança do segundo sonho no qual o orientador sugerira: "o sul do Brasil" - http://vozqclamabr.blogspot.com.br/2012/05/voz-q-clama-sonhos-instrutivos-alem-do.html


    Rememorando o dia da viagem na qual se cumpre a mudança de trabalho do estado do Maranhão para o Paraná.

  Estava muito ansioso durante a viagem, vinha sentado no setor esquerdo da aeronave, bem ao lado da janela, e antes da grande asa. Eram mais ou menos 14 h de uma tarde brilhante de sol, céu azul límpido e sem nuvens... Estávamos nos aproximando do alcance da paisagem aérea da região de Foz do Iguaçu, quando o comandante alertou-nos através do fone interno da aeronave para contemplar o belo cenário visto por cima do Parque Nacional do Iguaçu - berçário das Cataratas do Iguaçu.
    Então redobrei a minha atenção e fiquei surpreso com o panorama visualizado! Naquele momento recordo então do sonho lúcido meses antes de se concretizar essa transferência. Até parecia, em minhas idéias, que já estivera ali antes e que estava apenas relembrando aquela admirável arte moldada pela Natureza: as árvores compondo a bela floresta, as águas correndo velozes por entres pedras, arbustos e desvios que culminam com quedas bruscas de imensos volumes d`água. As porções de água que fazem junções de igarapés, tudo reflexionei rapidamente diante da visão deslumbrante ao me aproximar do meu destino.

     Esclarecendo: muitos funcionários do Banco do Brasil, de várias regiões desse imenso Brasil, também foram enquadrados no mesmo movimento de adequação de funcionários das agencias. E em Foz do Iguaçu (PR), dezenas de colegas veteranos nas funções bancárias também viram seus nomes relacionados nos Planos e Acordos de Redução das Agencias, instituído pela Direção Geral do Banco do Brasil. Só para realçar em 1996 a agencia de Foz tinha uma dotação de 160 funcionários e, em 2 anos esse quadro ficou reduzido na sua capacidade em 50%. 
       Aquele funcionário que uma vez já tivesse aderido ao plano de transferência instituído nos acordos de redução  de pessoal, estava livre de fazê-lo pela segunda vez.

      Aqui vai um ditado popular: Deus escreve certo, apesar das linhas tortuosas das ações humanas. Se você caro leitor estiver passando algum quadro de mudança em sua vida motivada pelas alterações econômicas - não desespere! 
      Confie no Senhor Jesus!  E espere o tempo trabalhando com fé, esperança e amor no coração. Tudo passa! Somente Deus é eterno; e a vida continuará evoluindo sempre para o infinito bem.
 Além do Plano Carnal 
Abrahão Ribeiro

Voz Q Clama
Intensivo Difusão Espiritualidade Evangélica – I D E
    Voz do Espírito





Nenhum comentário:

Postar um comentário