sábado, 2 de junho de 2012

SOCORRO ESPIRITUAL - Além do Plano Carnal






     Adaptações: todo inverno se repetia e o meu nariz sangrava na época do frio, ainda não estava bem acostumado com as oscilações que alteravam bruscamente a temperatura do ambiente para previsão inferior a 10° C.
         Pelo fato de eu ter trabalhado muito no Banco do Brasil, desde 1982 a 1999, em serviços de tesouraria, caixa executivo, e acompanhado duas mudanças de planos econômicos no acondicionamento das cédulas dilaceradas para substituição da moeda corrente - cruzado e real; e nessas tarefas de alta periculosidade fiquei vulnerável uma sinusite, e agora estava sofrendo o efeito desse incômodo durante o inverno no oeste do Paraná.
        Comento com a minha mãe via telefone sobre essa situação que estava se tornando complicada, e ela se dispõe a relacionar o meu nome no círculo de suas orações pessoais e também acrescentar essa interferência fraterna com as suas amigas de fé cristã, conforme orientação: “Orai uns pelos outros, para que sareis” Tiago 5. 16

       Em minha residência na rua Inácio Soto Maior, vila Yolanda na cidade Foz do Iguaçu PR., acumulava muita friagem pela parte superior da casa por causa das árvores altas, e isso dificultava durante o dia a ação dos raios do sol no aquecimento do recinto,  e eu contemplando as paredes toda úmida na ora de minha meditação, e no meu quarto monologava e buscava encontrar forças em Deus para vencer essa montanha de dificuldades.
      Diz o ditado popular: o homem é um produto do meio, e o homem pode se adequar ao meio ambiente. Pensamento de fé: "não devemos temer, ainda que a Terra mude, ainda que os montes se transportem para o meio dos mares; ainda que as águas rujam e causem tempestades e maremotos; ainda que os montes se abalem na sua braveza”; e ainda que mudanças e oscilações climáticas se alterem bruscamente (Salmo 46. 2,3) Bíblia sagrada. 

Além do Plano Carnal 
Abrahão Ribeiro

Voz Q Clama
Intensivo Difusão Espiritualidade Evangélica – I D E
    Voz do Espírito




Nenhum comentário:

Postar um comentário